Buscar
  • Radio Com 98.5

Orquestra Ars Barroca emociona público

O concerto da Orquestra Ars Barroca, domingo no Show das Onze do Brique da Praça Leônidas Ribas, foi um espetáculo único, testemunhado por milhares de pessoas que aplaudiram em pé os músicos paraguaios ao final de cada apresentação, e que contou também com a participação especial do Coral Municipal de Campo Grande, da província de Misiones, Argentina. O evento foi uma realização do Governo Municipal, por intermédio das secretarias de Turismo, Esporte, Juventude e Lazer, e da Cultura, em parceria com a Associação dos Municípios das Missões (AMM), e serviu como difusão cultural da Rota Jesuítico Guarani e dos 30 Povos. Na abertura do espetáculo, o prefeito Jacques Barbosa saudou a presença dos maestros e músicos, dos secretários de Cultura de Campo Grande (ARG) Júlio Vasquez, e de San Ignácio Guazú (PAR), Carlos Bedoya e, juntamente com o vice-prefeito Bruno Hesse, o secretário do Turismo, Vando Ribeiro de Souza, e o presidente da Associação do Brique da Praça, Dalmir Ledur, fizeram a entrega de lembranças de Santo Ângelo. Jacques também recebeu ofício assinado pelo intendente municipal de San Ignácio Guazú, Carlos Jorge Alfara, representado pelo secretário de Cultura daquela cidade, formalizando o convite para que o prefeito de Santo Ângelo participe da Assembleia dos 30 Povos, a ser realizada nos dias 18 e 19 de maio, na Universidade Católica, no Paraguai.


A ORQUESTRA


A Ars Barroca é composta principalmente por jovens, foi criada há sete anos, no Paraguai, com o objetivo de preservar a música barroca, de origem jesuítica, tendo seu início com o projeto cultural musical “Sonidos de La tierra”. Atualmente está vinculada à Orquestra da Universidade Católica, campus de San Ignácio Guazú, no Paraguai, e do projeto Rota Jesuítica, tendo em seu repertório, além da música barroca, ritmos latino-americanos de diferentes épocas e música folclórica. No variado repertório apresentado no Brique da Praça, a Ars Barroca presenteou o grande público encerrando o concerto com a música “Canto Alegretense”. A Ars barroca tem suas fileiras, conta com integrantes bolsistas da Orquestra Nacional Sonidos de la Tierra e da Orquestra Mundial. A orquestra já realizou centenas de concertos no Paraguai e, no final de 2009, se apresentou no Senado da Nação Argentina, em Buenos Aires, e em diferentes países do MERCOSUL, da Europa e África. Regida pelo maestro Luís Caballero e coordenada pelo artista plástico e professor de História Paraguaia Carlos Bedoya, a Orquestra Ars Barroca trouxe para o show no Brique da Praça, violinos, violas, violoncelos, violões, contrabaixo e outros instrumentos.


0 visualização

© Radiocom Santo Ângelo

  • Grey Facebook Icon
  • Grey Google+ Icon