Buscar
  • Radio Com 98.5

Presidente da FIERGS afirma que Banco Central deve ser responsável frente ao combate à inflação

Porto Alegre, 16 de março de 2022 - O presidente da FIERGS, Gilberto Porcello Petry, afirmou nesta quarta-feira (16) que o aumento de um ponto percentual na taxa Selic, chegando a 11,75%, definido pelo Comitê de Política Monetária (Copom) se deve a persistência da inflação “que tem corroído o poder de compra das famílias e as margens das empresas”. Ele acrescenta que o conflito entre Rússia e Ucrânia tornou o cenário ainda mais adverso. “Temos a possibilidade de nos próximos meses observarmos o surgimento de choques de inflação ‘importada’, principalmente nos combustíveis, que poderão ser atenuados pelas desonerações que estão sendo executados pelo Governo Federal”, ressaltou.

Petry salienta que com a escalada da inflação e a possibilidade de um baixo crescimento mundial em 2022, se espera responsabilidade do Banco Central no combate à pressão sobre os preços, “para que o ciclo de alta tenha um menor custo em termos de atividade e emprego”.

6 visualizações0 comentário