Buscar
  • Radio Com 98.5

Restam poucas vagas para projeto de qualificação à construção civil

Curso que pretende garantir autonomia financeira às mulheres e terá duração de 12 meses com 80 horas/aula

O Governo Municipal desenvolverá, por meio da Coordenadoria de Políticas Públicas da Mulher (CMM), o projeto de qualificação de mulheres para a construção civil. O objetivo é capacitar mulheres prioritariamente em situação de risco de violência doméstica e de baixa renda para o mercado de trabalho na área da construção civil na região de Santo Ângelo.

De acordo com a vereadora Jacqueline Possebom, diretora da Coordenadoria de Políticas Públicas para as Mulheres (CCM), restam poucas vagas. Mais informações podem ser obtidas pelos telefones 3312-0180 e 99674-7599 e a pré-inscrição deve ser feita na sede da CMM, na Rua Antunes Ribas, 3591, Centro Norte.

O CURSO

A duração do curso será de 12 meses, sendo dividido em três módulos. São 42 vagas, com 14 alunas por módulo. O primeiro envolve curso básico de pintora de obras, com carga horária de 80 horas. No segundo módulo, o curso é de gesso acartonado com tecnologia drywall, com carga horária de 56 horas e, no módulo 3, as participantes receberão conhecimentos sobre assentamento de placas de cerâmicas, com carga horária de 80 horas.

O curso visa contribuir para a redução dos índices de violência doméstica, pela via do fortalecimento e empoderamento, a fim de garantir autonomia financeira para as mulheres em situação de vulnerabilidade, profissionalizando-as para ingressar no mercado de trabalho.



1 visualização0 comentário