Buscar
  • Radio Com 98.5

Santo Ângelo é destaque em ranking dos melhores municípios do Brasil

Estudo em 5.565 municípios avaliou aspectos como qualidade de vida, mercado de trabalho, aplicação na Saúde e Educação e indicadores fiscais


Santo Ângelo conquistou destaque na pesquisa que avaliou a qualidade de vida nos municípios brasileiros. Entre os municípios de médio porte, Santo Ângelo conquistou o 43º lugar no País, sendo o sexta mais bem avaliado no Rio Grande do Sul.

O estudo foi realizado nos 5.565 municípios pela agência Austin Rating, que desenvolveu o Índice de Inclusão Social e Digital (IISD), analisando 281 indicadores relacionados às áreas social, econômica, fiscal e digital e permite hierarquizar os municípios com foco na igualdade das oportunidades entre seus habitantes. Com os resultados, a Austin Rating criou um ranking em parceria com a revista IstoÉ, dividido em quatro categorias: Geral, Grande Porte, Médio Porte e Pequeno Porte.

MÉDIO PORTE

Na categoria médio porte, o primeiro colocado foi o município catarinense de Jaraguá do Sul, com 189.0375 pontos. O primeiro município gaúcho a aparecer na lista é Bento Gonçalves, na sexta posição. Também da Serra, Farroupilha ocupa a nona colocação. Depois disso vem Erechim em 12º, Lajeado em 13º e Santa Cruz do Sul na 30ª posição. O sexto município gaúcho mais bem avaliado é Santo Ângelo, com 177.4773 pontos.

Os municípios catarinenses obtiveram grande destaque na avaliação. Lideram nas quatro categorias. No geral, Joinville foi o mais bem avaliado, assim como no grande porte. No médio porte, a liderança é de Jaraguá do Sul e entre os municípios de pequeno porte a primeira colocação é de Timbó. No geral, o primeiro município gaúcho a aparecer é Caxias do Sul, em 18º lugar.

AVALIAÇÃO

O prefeito Jacques Barbosa comemorou o resultado, destacando que é fruto de uma série de iniciativas que envolvem todos os setores. “O reconhecimento nacional é fruto de ações e investimentos que estamos realizando nas mais diferentes áreas, buscando sempre a melhoria da qualidade de vida da nossa população”.

O chefe do Executivo cita como exemplos as ações de incentivo ao empreendedorismo, com redução da burocracia e políticas públicas para fomentar a economia. “Enquanto a grande maioria dos municípios sofreu grandes revezes com a pandemia, Santo Ângelo aumentou o seu retorno do ICMS e foi um dos quatro gaúchos que manteve os índices de empregabilidade”, apontou.


Texto: Hogue Dorneles

Foto: Fernando Gomes





0 visualização0 comentário